Sintomas da menopausa, calor, remédio, chá e muito mais!

Um dos períodos que toda mulher se preocupa após os 40 (algumas até antes) é quando a fase reprodutiva começa a cessar. Por isso, nesta matéria decidi trazer para você aí quais os sintomas da menopausa, o porquê da sensação de calor, quando começa, como fazer a reposição hormonal, se existe algum chá e/ou remédio para menopausa e muito mais. Saiba disso tudo a partir de agora com a leitura deste artigo!

Quando começa a menopausa

Depende muito, pois acaba variando de um organismo para o outro. Mulheres que iniciaram o período fértil muito cedo, por exemplo, tendem a cessá-lo mais rapidamente do que as outras. Porém, existe sim uma média de idade: entre os 44 e 49 anos. Lembrando que isso não é uma regra única e que os sintomas da menopausa podem surgir em outras faixas etárias.

Quando a menopausa realmente acontece

Se você quer ter certeza de que entrou na menopausa, o ideal é esperar até que se completem de 10 a 12 meses (1 ano) sem que você menstrue. Isso sendo observado, você terá certeza de que seus ovários já não estão mais ovulando.

Sintomas da menopausa

menopausa sintomas

Menopausa sintomas

Descubra agora quais são os sintomas da menopausa. Os mais observados (apesar de que muitas não sentem nada) são:

  • ondas de calor na menopausa (fogachos)
  • alterações no sono
  • ressecamento cutâneo
  • enfraquecimento ósseo
  • diminuição da lubrificação na vagina
  • gordura corporal acumula mais no abdômen

Uma vez que há uma grande alteração de hormônios no organismo, algumas mulheres necessitam de reposição hormonal e, caso não façam, podem acabar entrando em depressão. Esposos, filhos e parentes precisam estar atentos para auxiliar nessa hora, pois é um momento difícil na vida de algumas delas.

Pre menopausa: o que é

Também conhecido como climatério, trata-se de quando o corpo da mulher começa a mostrar que a menopausa em si vai acontecer (mas esta pode demorar vários anos até se concretizar). Nessa fase, acontecem os afrontamentos, ou fogachos, aquela sensação de calor da menopausa.

Durante a pré menopausa, a mulherada costuma achar que sua vida reprodutiva já não está mais fazendo efeito, assim digamos, e é aí que mora o perigo. Ainda mais porque a menstruação começa a falhar. Assim sendo, há aquelas que deixam de utilizar os métodos contraceptivos que estão acostumadas e, consequentemente, ficam grávidas. Por isso, é preciso muito cuidado.

Menopausa precoce: o que é

Como expliquei mais acima, há mulheres que entram na menopausa precocemente. Aquele calorão vem e vai, durando poucos meses a poucos anos e pronto, cessa o período de reprodução e os óvulos deixam de ser liberados. Pode acontecer antes mesmo dos quarenta anos de idade em alguns casos.

sintomas da menopausa precoce

Importante: lembre-se de que para se certificar que a menopausa aconteceu, você deve aguardar 2 semestres sem que fique menstruada. É preciso ter essa cautela se você não pretende engravidar sem querer por achar que não está mais fértil.

Como amenizar os sintomas da menopausa

A forma mais eficaz em se tratando de aliviar os sintomas da menopausa é repor os hormônios. Esse tipo de tratamento é indicado pelo seu médico e necessita de acompanhamento periodicamente.

Algumas pessoas, entretanto, devido a problemas de saúde ou querendo evitar medicamentos, recorrem a alternativas naturais como, por exemplo, tomar suco de maracujá com lecitina. Muitos consideram este um bom remédio natural para menopausa. Existem também outras bebidas que podem ser preparadas em casa. Veja abaixo quais chás utilizar:

Chá para menopausa:

  • Chá 5 ervas
  • Chá de Verbena
  • Chá de Damiana
  • Chá de Ginseng feminino

Você pode experimentar um destes e ver qual surte melhor resultado. No caso de quem não pode fazer a reposição hormonal, a saída é recorrer a algum remédio para menopausa, preferencialmente caseiro a fim de evitar os efeitos colaterais.

Bom, agora que você já conhece os principais sintomas da menopausa, procure seu ginecologista e faça os exames prescritos. Fique atenta aos sinais do seu corpo e, caso seja necessário, intervenha com o tratamento indicado. Qualquer dúvida, já sabe, basta deixar seu comentário. E se souber de outra informação relevante que não foi tratada aqui, entre em contato. Será um prazer ouvi-lo(a)! Até a próxima publicação!!