Noradrenalina: O que é e qual a sua função.

A noradrenalina (NA), também chamada de norepinefrina, é uma das drogas mais utilizadas dentro das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e também nos setores de emergência dos hospitais. Trata-se de uma substância com um efeito potente no nosso sistema nervoso simpático (SNS).

Ela é um precursor da adrenalina e dependendo da dosagem pode provocar diversas reações como redução da frequência cardíaca e aumento da pressão sanguínea por conta do estreitamento do diâmetro dos vasos.

noradrenalina dose

Vamos agora conhecer um pouco mais sobre essa substância e como ela age dentro do nosso corpo.

O que é a noradrenalina?

Apelidada por muitos profissionais de saúde de nora, a noradrenalina é, em seu conceito mais técnico, uma monoamina que tem papel preponderante no nosso humor, sono, ansiedade e alimentação. Ela trabalha em conjunto com outras substâncias como a adrenalina, serotonina e dopamina.

PROPAGANDA

Como ela age no nosso corpo?

Quando a noradrenalina está presente no nosso organismo ela controla a entrada e saída de cálcio das nossas células e também ajuda a manter a nossa pressão arterial em valores estáveis. Ela é utilizada, especialmente, em casos de hipotensão grave, ou seja, ela tem o papel de elevar a pressão sanguínea dentro dos vasos.

Assim que a noradrenalina entra na corrente sanguínea, ela é levada para todos os nossos órgãos a fim de agir no sistema simpático. Ela, por sua vez, age diretamente no fígado, estimulando esse órgão a fabricar glicose a partir do glicogênio e liberá-la para o corpo. Dessa forma, uma das consequências norepinefrina é a hiperglicemia.

Qual é a diferença entre adrenalina e noradrenalina?

Por terem nomes tão parecidos, essas duas substâncias são facilmente confundidas, até mesmo por alguns profissionais de saúde que não estão constantemente em contato com essas drogas.

A adrenalina é produzida pelas glândulas suprarrenais e é liberada quando o nós estamos numa situação extrema. Por exemplo, estamos atravessando a rua e vem um carro em nossa direção. Todos os nossos sentidos ativam para irmos para o outro lado e quem nos dá toda a força e habilidade que precisamos nesse momento é a adrenalina.

A noradrenalina também e sintetizado pelas suprarrenais e ele é liberado no nosso corpo antes da adrenalina. Ela também pode ser usada em casos de choque anafilático (reação alérgica grave), porém, é menos eficaz que a adrenalina. Assim, elas servem, basicamente, para a mesma função, mas esta é mais potente que aquela.

Quais as funções da noradrenalina?

1. Luta ou fuga

Mas essa não é uma das funções da adrenalina? É sim, mas como acabamos de falar acima, tanto a nora quanto a adrenalina possuem funções muito semelhantes. Mas ainda assim, a norepinefrina tem um papel muito importante nesse processo: é por causa dela que a glicose é liberada na corrente sanguínea.

Pense: numa situação de estresse e que você precisa fazer o corpo sair do lugar, como faria isso se o corpo não encontrasse energia? Como os músculos se movimentariam tão rapidamente sem a presença de uma dose extra de glicose dentro das células? Impossível!

2. Processos cerebrais

No início desse texto falamos que a noradrenalina interfere no sistema do sono, da ansiedade e das emoções como um todo. A liberação de uma quantidade normal de nora pode nos deixar mais eufóricos e com uma sensação de bem-estar.

3. Depressão

Como a noradrenalina atua nas emoções e a sua presença nos torna mais eufóricos, evidentemente que, a falta ou uma redução dela, provoque os sintomas e sinais da depressão. Por causa dos baixos níveis de energia, a pessoa fica mais letárgica e sente mais sono e sem motivação alguma para fazer atividades que exijam qualquer esforço físico.

Noradrenalina Dose: Aprenda Como Fazer a Diluição Corretamente.

Leia Também:

Será que você está precisando de uma dose extra de noradrenalina? A amêndoa, por exemplo, apresenta a tirosina, um aminoácido essencial para a produção de nora. Veja quais são os benefícios que a farinha de amêndoa pode oferecer!

PROPAGANDA