Gengivite: Causas, Sintomas e Tratamentos!!

A gengivite ocorre por conta da inflamação das gengivas. Leia o artigo completo e saiba mais.

Causas da Gengivite

No que diz respeito às causas da gengivite, devemos destacar que a maior delas é por conta do acúmulo indevido de placas na gengiva do indivíduo por muito tempo. A placa, em si, corresponde a um material totalmente grudento e composto por muco, resíduos de comida e de bactérias, que são também capazes de causar cáries.

Ao não ser tratada, essa placa fica mais dura e causa tártaro, que se prende às bases do dente do indivíduo. Juntos, tanto as placas, quanto o tártaro são responsáveis pela irritação das gengivas, tornando-as muito sensíveis e, na grande maioria dos casos, inchadas.

Porém, a própria escovação dos dentes ou a limpeza com o auxílio do fio dental de forma excessiva ou agressiva também pode causar o surgimento da gengivite.

Porém, algumas alterações no que diz respeito aos hormônios também podem gerar uma gengivite, como é o caso da gravidez, por exemplo. A falta de controle do diabetes, moléstias de uma forma geral e falta de higiene também são fatores que auxiliam no surgimento da doença.

PROPAGANDA

Sintomas da Gengivite

Em primeiro plano, gengivas muito sensíveis e doloridas. Também é muito comum que ocorra o sangramento em meio a tal problema, tanto na hora de escovar, quanto de limpar com o fio dental.

Além disso, outros sintomas comuns são o inchaço na região da gengiva, dentes com uma aparência mais longa, o que ocorre por conta da retração da própria gengiva, tons avermelhados na mesma, mau hálito ou ainda gostos ruins na boca do indivíduo.

Para Evitar Gengivite

gengivite

gengivite

Assim como toda e qualquer doença, não podemos garantir que não apareçam, mas podemos tomar as nossas próprias precauções para evitá-las. No caso da gengivite, é ideal que o indivíduo tenha uma higiene bocal correta e agradável, escovando os dentes de forma correta pelo menos três vezes por dia, além de usar o fio dental todos os dias, pelo menos uma vez e, preferencialmente, antes de dormir.

Além disso, uma boa dica é ter em mãos uma escova elétrica, já que ela consegue tirar mais do que 90% das placas que se formam na gengiva, diferente da escova comum que mal chega aos 50%. Fazer uma limpeza nos dentes de seis em seis meses também é ideal para a remoção de placas.

Tratamento da Gengivite

De uma forma geral, o tratamento é simples, já que grande parte da sujeira proporcionada pelas placas é limpa pelo próprio dentista, por meio de aparelhos e demais instrumentos que são necessários tanto para soltar, como principalmente para remover o acúmulo de placas que pode estar presente em muitos dentes.

Porém, o indivíduo em alguns casos pode tratar até mesmo em casa, já que o tratamento consiste em retirar totalmente as placas bacterianas que se acumularam com o passar do tempo. Nesse caso, o indivíduo se compromete a escovar bem os dentes, pelo menos três vezes por dia, passando totalmente o fio dental em cada uma dessas vezes para a remoção total da placa.

PROPAGANDA