Saude e bem estar Valdeni Duarte

Carboxiterapia,Elimina Gordura Localizada, Estrias e Olheiras

A gordura localizada te incomoda? Seus cabelos estão caindo e você não sabe o que fazer? Gostaria de dizer adeus às celulites e estrias de uma só vez? Que tal se despedir para sempre da flacidez? Acredita se eu disser que existe um procedimento que resolve tudo isso numa tacada só? Pois pode confiar, pois ele tem nome até! Se chama carboxiterapia!

Vamos aprender mais sobre essa técnica que vem fazendo a cabeça de homens e mulheres? Vem conferir!

O que é a carboxiterapia?

carboxiterapia estrias

carboxiterapia estrias

Para começar vale saber o que é a carboxiterapia. Trata-se de um procedimento estético, que tem como maior atrativo o fato dele não ser nada cirúrgico e apesar disso ainda traz melhorias consideráveis a várias partes do corpo e resolve questões da aparência que incomodam muito, já citadas previamente.

A proposta deste tratamento é a aplicação de injeções de gás sob a pele, para assim estimular que as células acelerem seu metabolismo, mas tudo isso sem agredir o organismo dos pacientes. O melhor é que o tratamento também não é tóxico, o que definitivamente é um alívio, né?

Como a carboxiterapia funciona?

O funcionamento se dá da seguinte maneira: são dadas injeções de gás sob a pele do paciente. O gás aqui é exatamente o dióxido de carbono, também conhecido a partir da sigla CO2. Assim a circulação do sangue entre as células e a oxigenação dos tecidos melhora de forma considerável!

Qual a indicação da carboxiterapia?

Como a carboxiterapia abrange várias partes do corpo trata-se de um procedimento válido para várias pessoas. A aplicação dependerá do que almeja o paciente, e seus desejos podem ser muito variáveis.

Por exemplo, no bumbum ela serve para reduzir celulite. Já no couro cabeludo ajuda a fazer mais o cabelo crescer. No caso da gordura localizada ela vai destruindo as células adiposas presentes na área! Já para a flacidez ele estimula a produção de colágeno!

A carboxiterapia dói?

A carboxiterapia dói, sim, infelizmente. Obviamente estamos falando de injeções subcutâneas, que geram um deslocamento de ar, que naturalmente causará incômodo.

O ideal, portanto, é que não se use a quantidade total de gás já nas primeiras sessões, mas sim que vá havendo uma progressão à medida que elas passam! Com o passar das horas é claro que a dor vai diminuir, da mesma forma que o inchaço!

Quais as contraindicações da carboxiterapia?

Você quer saber quem não pode fazer de jeito nenhum a carboxiterapia? Fizemos uma lista a seguir! Dê uma olhada:

  • Acne;
  • Herpes;
  • Gravidez;
  • Urticária;
  • Epilepsia;
  • Em casos extremos de obesidade;
  • No caso de distúrbios graves psíquicos;
  • Doença cardíaca;
  • Doença pulmonar;
  • Alergia de pele;
  • angioedema;
  • gangrena;
  • Infecção no local;

Quais os efeitos colaterais da carboxiterapia?

Primeiramente a dor, que é muito comum durante e depois da aplicação. Depois é provável também que você sinta dormência e que note a região um pouco mais ardida! Tudo isso é comum e sem motivos para pânico!

Especialista no assunto, explica tudo sobre o tratamento da carboxiterapia, assista agora!

Quantas sessões são necessárias?

São no mínimo dez sessões para começar a visualizar os resultados!

| Website

Proprietário do site, adora ler e compartilhar informações sobre saúde na internet. Criou o blog Dieta e Boa Saúde em 07 de março de 2014, onde compartilha dicas de alimentação e hábitos de vida saudáveis, bem como plantas medicinais, exercícios, receitas e afins".

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.