Bardana: o que é, benefícios e como fazer o chá

Você já ouviu falar em uma planta chamada bardana? Ela é considerada uma planta medicinal e também é conhecida por outros nomes como: erva-dos-pegamassos, bardana-maior e orelha de gigante. Costuma ser muito utilizada para tratar problemas de pele como a acne.

Essa é uma planta que tem sua origem no continente europeu e foi trazida para o Brasil com os colonizadores. A bardana é utilizada há muitos anos, desde os gregos antigos que a usavam por conta de suas propriedades curativas. Na Ásia também a bardana se destacou, tanto como uso medicinal quanto culinário.

As propriedades da bardana

Não é por acaso que essa planta é medicinal. Ela possui inúmeras propriedades como o fato de ser anti-inflamatória, antisséptica, fungicida, diurética, calmante, bactericida, adstringente, antimicrobiana, entre outras funções importantes.

propriedades da bardana

Por conta de todas elas, a bardana é bastante usada na forma de chá por diversas pessoas. A bebida ajuda tanto no tratamento quanto na prevenção de diversos problemas que podem atingir a nossa saúde.

Os benefícios da bardana

Acelera o crescimento dos cabelos

Muitos são os problemas que podem fazer com que o seu cabelo não cresça ou cresça numa velocidade bem abaixo do normal, ou seja, cerca de 1 cm por mês. Situações como exposição ao sol de forma exagerada, utilização de produtos químicos frequentemente, alterações hormonais, seborreia, alimentação inadequada, dentre outras.

Nos casos da caspa, o chá da raiz da bardana possui importantes propriedades que ajudam a acabar com esse problema e assim, fazer com que os cabelos voltem a crescer normalmente. Aplique o chá com o pouco de mel nos cabelos úmidos e deixe agir por 15 minutos. Depois é só enxaguar.

Controla a glicemia

A glicemia representa a taxa de glicose, ou seja, açúcar no nosso sangue. Quanto mais elevada está, maior é o risco do indivíduo desenvolver o diabetes. Para aqueles que apresentam problemas em manter a glicemia sob controle, tomar o chá da bardana constantemente pode ajudar.

Diabéticos e hipertensos também podem consumir sem riscos já que a planta apresenta baixo índice glicêmico, baixa caloria, pouco sódio e uma boa quantidade de potássio. Inclusive, a bardana é uma excelente fonte de potássio, um mineral essencial para controlar os níveis da pressão arterial.

Melhora a febre

A febre é um sinal de que algo não vai bem com o corpo e também de que há algum processo infeccioso em curso. A temperatura normal do corpo do ser humano fica em torno de 37° Celsius. Manter essa temperatura é muito importante para que as funções metabólicas do corpo ocorram normalmente.

Quando a temperatura sobe demais, muitas dessas funções ficam prejudicadas. Por exemplo, o formato das proteínas começa a se modificar, ocorrendo a desnaturação proteica. Essa é uma situação bastante grave e, que dependendo da situação, não consegue se reverter.

Uma das propriedades da bardana é a antipirética, ou seja, a habilidade de fazer a febre baixar. Ela aumenta a transpiração corporal e assim, ajuda a temperatura do corpo a diminuir. Além disso, possui uma boa quantidade de zinco, uma substância que ajuda na cura de gripes e resfriados.

Auxilia no tratamento de úlceras

As úlceras são feridas pequenas que evoluíram com o passar do tempo. Por exemplo, elas são bem comuns em pacientes que estão acamados há muito tempo. Nesses casos, é necessário mudá-los de posição a cada duas horas, usar óleos como o de girassol para acelerar a cicatrização, entre outros recursos.

A planta apresenta propriedades antibacterianas, anti-inflamatória e também antisséptica, sendo dessa forma, excelente para o tratamento de feridas. A cura pode acontecer tanto de dentro para fora com o consumo do chá, quanto de fora para dentro utilizando as raízes para fazer uma pasta com aveia em farelo e abacate.

A bardana é desintoxicante

Uma das grandes vantagens dessa planta é que ela também possui propriedades antioxidantes. Por conta disso, a bardana consegue ajudar no funcionamento de diversos sistemas do corpo. Por exemplo, ela consegue melhorar o sistema renal e hepático por eliminar diversas toxinas que costumam se acumular nesses órgãos causando os cálculos biliares e renais.

Aumenta a imunidade

O sistema imune é o responsável por combater diversos agentes invasores que costumam desenvolver processos inflamatórios e infecciosos no corpo. Ela também ajuda no tratamento de doenças da pele como as micoses por apresentar propriedades antifúngicas e também pelo fortalecimento do sistema imunológico aumentando a quantidade de células de defesa.

Como fazer o chá de bardana

Como fazer o chá de bardana

Para preparar o chá, você precisará de 3 colheres de sopa da raiz de bardana ralada e 1 litro de água. Acrescente esses dois ingredientes em uma panela de deixe ferver por 5 minutos. Depois disso, basta esperar a bebida esfriar um pouco e coar. O ideal é beber cerca de 3 xícaras por dia.

Há algumas contraindicações para o chá, especialmente em grupos como crianças, gestantes, lactantes e idosos. Pela falta de pesquisas, não é possível prever o que pode acontecer. Pacientes que tenham problemas como a Síndrome do Intestino Irritado também não devem consumir o chá.

Leia Também:

 Jatobá: Para que Serve, Benefícios e Como Consumir.

 Como Fazer Chá de Malva, Propriedades e Para que Serve.

 Jiló Benefícios → Anemia, Mau hálito, Emagrece, Visão e Outros.

Como você prepara o seu chá de bardana? Prepara com as folhas com as raízes? Conte pra gente!