Abricó fruta: Origem, Benefícios e Como Comer.

Abricó fruta: Origem

Você já ouviu falar em uma fruta chamada abricó? De nome científico Mammea americana, esse alimento ainda recebe o nome de abricote ou abricoteiro, sendo carnoso e de formato redondo. O abricó é mais consumido nos Estados Unidos e, aqui no Brasil, é comum no estado do Pará.

É uma árvore de grande porte e pode ter até 15 metros de altura. Portanto, não é facilmente encontrada em qualquer região, já que é necessário um clima mais úmido, típico de florestas. As flores são de cor branca e ficam em locais isolados na árvore e seus brotos são usados para fazer uma bebida de sabor parecido com o vinho chamado Momin.

Os benefícios e propriedades do abricó

benefícios do abricó

É rico em tiamina

A tiamina, também conhecida como vitamina B1 é um nutriente que faz parte do complexo B. O nosso corpo não consegue armazenar esse tipo de vitamina e, sendo assim, é necessário que haja uma reposição do nutriente todos os dias.

A falta dessa vitamina no nosso organismo leva à fadiga já que a tiamina é uma das responsáveis pela produção de moléculas de ATP (as moedas enérgicas do organismo). Assim, a vitamina B1 participa do metabolismo dos carboidratos e também das gorduras e proteínas.

Esse nutriente é melhor absorvido se for consumido na sua forma natural, ou seja, em frutas como o abricó. Outros alimentos também possuem esse nutriente, mas muitos passam pelo cozimento e acabam perdendo boa parte dele.

É rico em vitamina C

A vitamina C é benéfica para a nossa saúde por vários motivos e o primeiro deles é o fato de fortalecer o nosso sistema imune. Quanto mais desse nutriente você consome, menor a chance de ficar doente, especialmente por conta do estresse.

Também é um poderoso agente antioxidante e consegue reduzir, consideravelmente, as taxas de radicais livres. Estes, por sua vez, são produtos do nosso metabolismo que são eliminados naturalmente pelo organismo. Porém, com o crescente consumo de alimentos industrializados, a taxa desses radicais aumentou de maneira significativa.

É rico em vitamina B2

Aqui estamos falando da riboflavina e, assim como a tiamina, ela participa de diversos processos do metabolismo no nosso corpo. Além disso, também ajuda a combater o câncer e a acne.

Os problemas com cãibras, muito comuns durante a prática de exercícios físicos, podem ser causados pela deficiência de vitamina B2. Esse nutriente auxilia na formação das células vermelhas, que, por sua vez, têm como uma das funções o transporte de oxigênio. Se há pouca oxigenação para os tecidos, as cãibras tendem a acontecer.

Há também diversos outras vantagens no consumo da vitamina B12 presente no abricó:

  • previne a formação da catarata;
  • ajuda nos problemas relacionados à infertilidade;
  • reduz a dor da enxaqueca;
  • melhora o aspecto das unhas, pele e cabelo;
  • auxilia na liberação de hormônios como a adrenalina durante o exercício físico;
  • reduz as chances de problemas no sistema nervoso.

Formas de consumo do abricó

abricó como comer

A fruta é colhida na época do outono que é quando está madura e boa para o consumo. Ela pode ser consumida in natura, porém, pode apresentar um sabor um pouco amargo se não for colhida exatamente no tempo certo.

Além disso, ela pode ser usada para preparar sucos e, para isso, basta bater no liquidificador a polpa de 1 fruta com 500 ml de água e adoçar com mel ou qualquer outra substância, de preferência natural como o açúcar mascavo. Também é possível fazer doces como compotas.

Leia Também:

Fruta Atemoia: Para Que Serve, Origem e Como Comer.

Frutose faz mal? Tire todas as dúvidas sobre essa substância

Benefícios do suco de uva integral, Receita e Como Fazer.

Já comeu abricó ou algo feito dessa fruta? Conte pra gente o que achou do sabor!